TCU detecta irregularidades em 34% dos doadores de campanha

TCU detecta irregularidades em 34% dos doadores de campanha

Posted by on 6 set, 2016

O 16082016083808 (TCU) entregou nesta segunda-feira ao Tribunal Superior Eleitoral (TSE) um levantamento que identificou 38.985 doadores de campanha com indícios de irregularidades em contribuições feitas a candidatos na disputa municipal deste ano. Foram detectadas, inclusive, doações de pessoas mortas. O número representa 34% do total das 114.526 pessoas que doaram. Já nas despesas de campanhas, 1.426 de 60.952 fornecedores apresentaram algum indício de irregularidade.

De acordo com o presidente do TSE, ministro Gilmar Mendes, as irregularidades podem resultar na impugnação das candidaturas pelo Ministério Público Eleitoral (MPE). “Nós temos que acompanhar isso com rigor. Já tivemos no passado mortos que votavam. Agora, temos mortos que doam”, disse Mendes.

Os cruzamentos e as análises são executadas a partir de informações sobre as receitas e despesas de campanha coletadas pelo TSE e embasados em regras estabelecidas entre os dois órgãos. Os cálculos serão executados semanalmente até a data das eleições.

Os dados coletados pelo TCU foram compilados com base em relatórios financeiros entregues por candidatos e partidos a cada 72 horas, conforme as novas regras eleitorais aprovadas em 2015. As informações coletadas serão distribuídas aos juízes eleitorais municipais que serão responsáveis por verificar os indícios apontados pelo TCU.

Fonte: veja.abril

Post a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *